Skip
A carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.

Sugestões de janeiro

A partir deste mês, passamos a apresentar sugestões de leitura para os adultos, os jovens e as crianças.

Para os mais pequeninos, sugerimos um livro de 2019, O novelo de emoções, de Elizabete Neves (texto) e Natalina Coías (ilustração). Um feliz encontro entre Marta e Sukha permite que este amiguinho, através das várias cores, denomine e identifique as várias emoções, levando a menina a saber colocá-las separadamente em cada novelo, em vez de misturadas no mesmo.

Para os jovens, um guia fundamental do nosso continente – a Europa – pela mão de Jacques Le Goff (1996, 1ª ed.), denominado A Europa explicada aos jovens: a Europa explicada a todos. O que é a Europa? Qual a sua origem e a sua História? O que significa ser europeu? O que nos leva a sermos uma família europeia? Descobrir as conquistas, os impérios e o seu desmoronamento, as grandes revoluções do século XIX e o despontar da democracia, as ditaduras do século XX, o que foi o horror do nazismo, a perseguição aos judeus e aos ciganos, a Europa dos imigrantes, constitui uma viagem literária viva, rica e indispensável, através deste livro.

Sendo este o ano em que celebramos o centenário do nascimento de Natália Correia, começamos por convidar-vos a ler um dos seus melhores e mais marcantes livros, Descobri que era europeia: impressões de uma viagem à América, cuja primeira edição foi publicada em 1951: entre o diário e a crónica, a narrativa e a poesia, e na sequência de uma viagem aos Estados Unidos da América em 1950, quando a autora, apesar dos seus  27 anos de idade, tinha consolidada a sua identidade europeia,   a robustez deste livro  está  na capacidade de opor a exterioridade e a frivolidade dos norte americanos interioridade e profundidade europeia, resultantes da nossa fortíssima e belíssima herança greco –romana: «Somos estruturalmente diferentes», afirma.

O livro de Djaimilia Pereira de Almeida (2015), Esse cabelo, escrito na primeira pessoa, traz-nos a procura da identidade de Mila (africana) – a essência, o alter-ego da narradora presente- que, em Portugal, caminha de máscara em máscara – onde o cabelo assume a imagem da artificialidade e da procura de aceitação, trazida pela sua transfiguração constante. É pela perda que a narradora ativa a memória, não buscando apenas a biografia pessoal, antes a história de comunidades africanas inteiras, cuja essência foi decapitada pelo racismo.

De Italo Calvino, As cidades invisíveis (1996, 1ª ed.). Este livro recria um diálogo entre Marco Polo e o imperador Kublai Khan, sobre as 55 cidades visitadas pelo viajante , intercalando-o com pequenos textos sobre cada uma das cidades então visitadas: «As cidades e os olhos», «As cidades e os sinais», «As cidades e a memória», são alguns dos  títulos que apresentam uma forma interiorizada de visitar os lugares, onde os sentidos , a memória através das próprias fotografias e  a viagem ao imaginário das pessoas que passam nas ruas devolvem uma fisionomia interiorizada, viabilizando outro diálogo entre a cidade e o seu visitante.

Finalmente, e porque Eugénio de Andrade nasceu há cem anos, um dos seus prodigiosos livros – Rente ao dizer (1992, 1ª ed.), onde o discurso poético surge cada vez mais depurado, cada vez mais próximo de uma musicalidade muito própria, da atenção à delicadeza de cada palavra, do lugar da poesia rente ao dizer, conforme defendia.

Copyright: AA/BPAPDL

 

Disponíveis para empréstimo domiciliário:

NEVES, ElizabeteO novelo de emoções. 1ª ed. Porto: Porto Editora, 2019.

JUV 159.942 NEV/nov

LE GOFF, JacquesA Europa explicada aos jovens: a Europa explicada a todos. Lisboa: Gradiva Publicações, 2007.

JUV 94(04) GOF/eur

 

CORREIA, NatáliaDescobri que era europeia: impressões duma viagem a América. 2ª ed. Lisboa: Editorial Notícias, 2002.

EMP AÇORES 82-9 COR/des

 

ALMEIDA, Djaimilia Pereira deEsse cabelo: a tragicomédia de um cabelo crespo que cruza a história de Portugal e Angola. 1ª ed. Alfragide: Teorema, 2015.

EMP 316 ALM/ess

 

CALVINO, ItaloAs cidades invisíveis. Lisboa: Teorema, imp. 1996.

EMP 82(450)-31 CAL/cid

 

ANDRADE, Eugénio de Rente ao dizer. Porto: Fundação Eugénio de Andrade, 1992.

EMP 82(469)-1 AND/ren

 

Detalhes

Data:
Janeiro 31
Categoria de Evento: